“Este é o dia que o Senhor fez; regozijemo-nos e alegremo-nos nele.” (Sl 118:24)

Este é o dia que fez o Senhor e porque vivemos, interagimos e sonhamos e crendo crescemos em estatura, graça e sabedoria, porque não então, crescer também em espírito e entendendo tudo o que foi feito para nosso deleite?

Assim, namore a vida, o dia;
dessa forma encontre a sua paz, ao fazer as escolhas certas;
aprenda a valorizar a sua casa, e tudo o mais, especialmente, os sorrisos que te oferecem, porque com eles, recebes os mais lindos olhares que já pode perceber;
valorize os seus filhos, como se teus namorados fossem, com eles estão os teus sonhos, que estão alicerçados na sua família;
Com a consciência que te foi dada, aceite os momentos, ainda que tenham cores e sabores diversos do que você queria, assim, aprenda a superar as dificuldades;
valorize tudo o que Deus te deu, as artes, especialmente, que te darão a sensibilidade para viver mais em contato com a natureza;
e quando enfim, puder olhar para o seu namorado, ou namorada, amigo, colega, ou companheiro, ame a vida que dele exala, porque ela provém de Deus!

“Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o bronze que soa ou como o címbalo que retine.
Ainda que eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda a ciência; ainda que eu tenha tamanha fé, a ponto de transportar montes, se não tiver amor, nada serei.
E ainda que eu distribua todos os meus bens entre os pobres e ainda que entregue o meu próprio corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me aproveitará.
O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece,
não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor jamais acaba; mas, havendo profecias, desaparecerão; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, passará; porque, em parte, conhecemos e, em parte, profetizamos.
Quando, porém, vier o que é perfeito, então, o que é em parte será aniquilado.
Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, pensava como menino; quando cheguei a ser homem, desisti das coisas próprias de menino.
Porque, agora, vemos como em espelho, obscuramente; então, veremos face a face. Agora, conheço em parte; então, conhecerei como também sou conhecido.
Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor.” (1 Co 13:1-13)

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (OI)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 12062020 – Ame a vida, as pessoas, e tudo o que te cerca – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae