Colton Haab é um estudante que sobreviveu ao massacre de 12 de fevereiro, na escola da Flórida. A CNN o convidou para falar na prefeitura, mas ele recusou-se a participar do evento depois de lhe disserem que ele teria que ler uma pergunta que a CNN havia preparado para ele.

Assista aos comentários de Haab, ou leia-os logo abaixo:

 

 

“Eu esperava poder fazer minhas perguntas e dar minha opinião sobre minhas perguntas.

A CNN originalmente me pediu para escrever um discurso e perguntas, e acabou sendo tudo com script.

Eu não acho que vai conseguir algo realizado. Não vai fazer as verdadeiras questões que todos os pais, professores e alunos têm.”

Dois alunos, que a CNN escolheu para fazerem perguntas, atacaram a porta-voz da Associação Nacional de Rifle, Dana Loesch. Jake Tapper da CNN, que moderou o evento, não defendeu Loesch.